Eu Te amo!

Bem-Vindo ao meu mundo, viaje pelas palavras no mais profundo sentimento,no mistério, nas lágrimas, nas confusões no sangue que pulsa em mim ... !”.

Sejam Bem-vindos ao meu Blog!!!

Não tente encontrar o melhor de mim no que escrevo
O meu melhor ainda não foi escrito, e estará nas entrelinhas.

sexta-feira, 23 de julho de 2010

.Não desista de mim,

.
.

os sonhos são perfeitos,
Mas realidade não é...
O amor tem disso,
muda de forma mágica
Muitas coisas, acredite.
Fisicamente estamos distantes,
mas próximos
de sentimentos, de afinidades,
Cumplices desse nosso desejo,
Que nos mantém interligados,
Nos amando.
Leio sempre Você,me isolo,
Me firo no meu silêncio,
No respeito de tua liberdade,
Na confiança do meu sentimento de
Ser plenamente correspondido.


Meu Eu...




É a parte mais profunda
de mim mesma!
É onde guardo os meus
mais íntimos, preciosos
e profanos segredos...
Guardo também lá, o Amor
que sinto e por quem sinto!



Acho desnecessário expor.
Evito assim, certas opiniões
que não me interessam...
Divido-me apenas com quem
amo verdadeiramente e que
seja capaz de entender a
real profundidade do meu EU...

Boa Noite!




"... Farei o possível para não amar demais
as pessoas, sobretudo por causa das pessoas.
Às vezes o amor que se dá pesa, quase como
responsabilidade na pessoa que o recebe.
Eu tenho essa tendência geral para exagerar,
e resolvi tentar não exigir dos outros senão
o mínimo. É uma forma de paz..."



-Clarice Lispector-

UM POUCO DE UM NADA"

UM POUCO DE UM NADA Queria um pouco do teu nada.Mesmo sendo um nada Com sabor agridoce.Um pedaço do teu tempo,Um instante qualquer.Um olhar perdido no infinito,Um suspiro carregado de paixão,Um sorriso sereno como o luar.Um deslize da tua razão,Um gesto de emoção.Uma palavra lançada ao vento,Em busca de uma respostaUm sim ou um não.Um pouco do teu silêncio,Mudo ou gritante.Um tocar dos teus lábios,Tão leve que seja.Queria vestir-me destes momentos De um nada.E fazer desse pouco do nadaUma eternidade ...=- -=

___Quantos anos você tem?

http://1.bp.blogspot.com/_FjZPkN0OS5c/S3QInfrRS6I/AAAAAAAABuE/p0_J0Ck-WsI/s400/untitledamamj.bmp

Não responda já. Apenas leia e reflita…

Se nos perguntam “quantos anos você tem?”, nossa tendência é enumerar o período de tempo já vivido.
Mas não paramos para refletir que esses anos que se passaram – já não os temos mais. São tempos que se foram, pertencem ao passado, bem ou mal, felizes ou não, e já não mais podemos fazer uso deles, a não ser usufruir as lições que a vida, concretamente, nos ensinou.

Mais sensato seria responder: “espero ter muitos anos“.

Porque os anos vindouros – estes sim – significam aqueles que ainda nos restam, os que “temos” de verdade, nos quais está depositado o que permaneceu de esperança e de sonhos a concretizar.

Quantos anos você tem?
Pense nisso.
E procure fazer dos anos – que você ainda tem – os melhores de sua existência.

___Avance Sempre

http://3.bp.blogspot.com/_mom7mappmqU/SphRHRSbgDI/AAAAAAAAAJs/fqUI1aCP7fQ/s400/sem%2Bt%25C3%25ADtulo.jpg
Na vida as coisas, às vezes, andam muito devagar. Mas é importante não parar. Mesmo um pequeno avanço na direção certa já é um progresso, e qualquer um pode fazer um pequeno progresso.

Se você não conseguir fazer uma coisa grandiosa hoje, faça alguma coisa pequena.
Pequenos riachos acabam convertendo-se em grandes rios.

Continue andando e fazendo.

O que parecia fora de alcance esta manhã vai parecer um pouco mais próximo amanhã ao anoitecer se você continuar movendo-se para frente.

A cada momento intenso e apaixonado que você dedica a seu objetivo, um pouquinho mais você se aproxima dele.

Se você pára completamente é muito mais difícil começar tudo de novo.

Então continue andando e fazendo. Não desperdice a base que você já construiu. Existe alguma coisa que você pode fazer agora mesmo, hoje, neste exato instante.

Pode não ser muito mas vai mantê-lo no jogo.

Vá rápido quando puder. Vá devagar quando for obrigado.
Mas, seja, lá o que for, continue. O importante é não parar!!!

Apaixone-se...


Apaixone-se definitivamente pelo SEU sonho.
(o sonho de ninguém deve ser mais apaixonante que o seu)
Apaixone-se por sua família.
(mesmo que ela não seja do jeito que você planejou, ainda assim, ela é a sua família)
Apaixone-se pelo SEU talento.
(mesmo que seu crítico insista para você escolher realizar outras coisas, mais "convenientes"
Apaixone-se mais pela viagem do que pela chegada a seu destino.
(a primeira é garantida ...)
Apaixone-se pelo SEU corpo.
(mesmo que ele esteja fora de forma, pois de "qualquer forma" ele é a única casa que você realmente possui)

Desapaixone-se de seus medos... eles minam sua alegria de viver.

Apaixone-se pelas suas memórias mais deliciosas.
(ninguém pode tirá-las de dentro de você e elas são excelentes fontes de inspiração em momentos de dor)
Apaixone-se por aquelas besteiras saudáveis que passam por sua mente entre um e outro momento de estresse.
(elas ajudam a sobreviver!)
Apaixone-se pelo sol.
(ele é fiel, gratuito, absolutamente disponível e dá prazer)

Apaixone-se por alguém.
(não espere alguém se apaixonar antes por você, só por garantia e segurança)
Apaixone-se pelo SEU projeto de vida.
(acredite, não dá certo fazer isto a dois)
Apaixone-se pela dança da vida que tá sempre em movimento dentro da gente, mas que, por defesas nós teimamos em algemar.
Apaixone-se mais pelo significado das coisas que você conquistar do que pelo seu valor material.
Apaixone-se por SUAS idéias.
(mesmo que tenham dito que elas não serviam pra nada)
Apaixone-se por SEUS pontos fortes.
(mesmo que os pontos fracos insistam em ficar em alto relevo no seu cérebro)
Apaixone-se pela idéia de ser verdadeiramente feliz.
(felicidade encontra-se de sobra nas prateleiras de seus recursos interiores)
Apaixone-se pela música que você pode ser para alguém...
Apaixone-se por SER HUMANO! Apaixone-se definitivamente por VOCÊ!

quinta-feira, 22 de julho de 2010

ÁRVORE DOS AMIGOS!

http://mercuriocromorock.files.wordpress.com/2009/03/090305_amizade.jpg
Existem pessoas em nossas vidas
que nos deixam felizes pelo simples fato
de terem cruzado o nosso caminho.

Algumas percorrem ao nosso lado,
vendo muitas luas passarem,
mas outras apenas vemos entre um passo e outro.
A todas elas chamamos de amigo.

Há muitos tipos de amigos.
Talvez cada folha de uma árvore caracterize um deles.
O primeiro que nasce do broto
é o amigo pai e o amigo mãe.
Mostram o que é ter vida.

Depois vem o amigo irmão,
com quem dividimos o nosso espaço
para que ele floresça como nós.
Passamos a conhecer toda a família,
a qual respeitamos e desejamos o bem.

Mas o destino nos apresenta outros amigos,
os quais não sabíamos que
iam cruzar o nosso caminho.
Muitos desses são designados
amigos do peito, do coração.
São sinceros, são verdadeiros.
Sabem quando não estamos bem,
sabem o que nos faz feliz...

Às vezes, um desses amigos do peito
estala o nosso coração e então
é chamado de amigo namorado.
Esse dá brilho aos nossos olhos,
música aos nossos lábios, pulos aos nossos pés.

Mas também há aqueles amigos por um tempo,
talvez umas férias ou mesmo um dia ou uma hora.
Esses costumam colocar muitos sorrisos na nossa face,
durante o tempo que estamos por perto.

Falando em perto,
não podemos nos esquecer dos amigos distantes,
que ficam nas pontas dos galhos,
mas que quando o vento sopra,
aparecem novamente entre uma folha e outra.

O tempo passa, o verão se vai,
o outono se aproxima,
e perdemos algumas de nossas folhas.
Algumas nascem num outro verão
e outras permanecem por muitas estações.
Mas o que nos deixa mais feliz
é que as que caíram continuam por perto,
continuam aumentando a nossa raiz com alegria.
Lembranças de momentos maravilhosos
enquanto cruzavam o nosso caminho.

Desejo à você, folha da minha árvore,
Paz, Amor, Saúde, Sucesso, Prosperidade...
Hoje e Sempre...

Simplesmente porque:
Cada pessoa que passa em nossa vida é única.
Sempre deixa um pouco de si e leva um pouco de nós.
Há os que levaram muito,
mas não há os que não deixaram nada.

Esta é a maior responsabilidade de nossa vida
e a prova evidente de que
duas almas não se encontram por acaso
.

Saudade Dolorida!!!


Saudade...
Eu não queria senti-la, mas é mais forte que eu, todas essas lembranças me escravizam, me tiram a paz, sinto saudades de você,saudades dos nossos abraços, dos nossos carinhos, enfim, de tudo de bom que vivemos juntos e que a vida cruelmente roubou de mim.
Hoje, junto com a saudade, uma solidão terrível impera ao meu redor, tudo é vazio, tudo é triste; só a saudade de você que insiste em me machucar.

Quero reviver com você todos os nossos momentos, sentir o seu beijo, o seu corpo; eu tentei te esquecer, mas não consegui, perdi as rédeas do meu coração, eu sei que preciso superar tudo isso, mas se tornou muito difícil, sinto saudades, muitas saudades, não sei se lhe verei novamente algum dia, mas gostaria que essas palavras chegassem ao seu coração e você entendesse que minha vida perdeu a cor e deu lugar a uma imensa dor...

Não sei quais foram os motivos que nos separaram, até hoje isso me inconforma, talvez seja por isso que essa saudade dói tanto, a triste certeza de que não verei seu rosto, sentirei seu corpo, queria poder gritar, explodir essa angústia, mas ela se resume em um choro, onde ódio e tristeza se misturam.
Queria lhe procurar, mas não posso, queria que houvesse uma maneira de erradicar esse maldito sentimento da minha vida, queria lhe ver, olhar seus olhos, mas esse desejo é o mesmo que tentar agarrar o sol...
Tanto amor não foi suficiente para evitar esse desfecho, hoje sou sufocado pela saudade, e forçado a viver contra minha vontade...

Saudades...



Estou com tanta saudades...
Saudades de você...
De sua voz...
De seus olhos...
De sua boca...
Seu toque, seu afago...
Estou com saudades,
De seu cheiro, seu abraço!
Estou com tanta saudades...
Saudades que dói
Saudades que agonia meu coração...
Saudades que não tem fim
Estou com saudades de você
Saudades amor...
Saudades de seu amor
De seu carinho...
Saudades, que sei, é só minha
Saudades de um amor
Que só eu senti
Só eu sonhei
Só eu amei...
Estou com saudades
Mesmo lembrando que foi tudo uma mentira...
Estou com saudades de você
Se o tempo voltasse
Seria tudo igual...
Mesmo sabendo que não foi real
Mesmo sabendo que foi uma doce mentira...
Mesmo sabendo que suas juras de amor
Nada foi real, tudo mentira.
Nada foi verdade sua, mesmo assim...
Se o tempo voltasse amor
Viveria tudo de novo com você!
Estou com saudades, ela está doendo.
Está apertando meu coração...
Estou em prantos a pensar em você
Estou sofrendo demais
Essa saudades dói...
Queria só por um minuto
Escutar tua voz, como no início.
Tão terna, tão linda.
Tão doce...
Minha alma se elevava
Meu coração vivia, tinha você!
Hoje minha alma vaga
A te procurar, e não encontrar...
Meu coração sangra de dor
Estou com saudades amor...
Saudades de ser amada
Mesmo enganada...
Estou com saudades amor
Estou com tantas saudades de você!

Despedida!


Existem duas dores de amor:
A primeira é quando a relação termina e a gente,
seguindo amando, tem que se acostumar com a ausência do outro,
com a sensação de perda, de rejeição e com a falta de perspectiva,
já que ainda estamos tão embrulhados na dor
que não conseguimos ver luz no fim do túnel.

A segunda dor é quando começamos a vislumbrar a luz no fim do túnel.

A mais dilacerante é a dor física da falta de beijos e abraços,
a dor de virar desimportante para o ser amado.
Mas, quando esta dor passa, começamos um outro ritual de despedida:
a dor de abandonar o amor que sentíamos.
A dor de esvaziar o coração, de remover a saudade, de ficar livre,
sem sentimento especial por aquela pessoa. Dói também…

Na verdade, ficamos apegados ao amor tanto quanto à pessoa que o gerou.
Muitas pessoas reclamam por não conseguir se desprender de alguém.
É que, sem se darem conta, não querem se desprender.
Aquele amor, mesmo não retribuído, tornou-se um souvenir,
lembrança de uma época bonita que foi vivida…
Passou a ser um bem de valor inestimável, é uma sensação à qual
a gente se apega. Faz parte de nós.
Queremos, logicamente, voltar a ser alegres e disponíveis,
mas para isso é preciso abrir mão de algo que nos foi caro por muito tempo,
que de certa maneira entranhou-se na gente,
e que só com muito esforço é possível alforriar.

É uma dor mais amena, quase imperceptível.
Talvez, por isso, costuma durar mais do que a ‘dor-de-cotovelo’
propriamente dita. É uma dor que nos confunde.
Parece ser aquela mesma dor primeira, mas já é outra. A pessoa que nos
deixou já não nos interessa mais, mas interessa o amor que sentíamos por
ela, aquele amor que nos justificava como seres humanos,
que nos colocava dentro das estatísticas: “Eu amo, logo existo”.

Despedir-se de um amor é despedir-se de si mesmo.
É o arremate de uma história que terminou,
externamente, sem nossa concordância,
mas que precisa também sair de dentro da gente…
E só então a gente poderá amar, de novo.

Eu confesso!

http://da.img.v4.skyrock.net/dad/menininha/pics/1944944647_1.jpg
Já escondi um AMOR com medo de perdê-lo, já perdi um AMOR por escondê-lo.
Já segurei nas mãos de alguém por medo, já tive tanto medo, ao ponto de nem sentir minhas mãos.
Já expulsei pessoas que amava de minha vida, já me arrependi por isso.
Já passei noites chorando até pegar no sono, já fui dormir tão feliz, ao ponto de nem conseguir fechar os olhos.
Já acreditei em amores perfeitos, já descobri que eles não existem.
Já amei pessoas que me decepcionaram, já decepcionei pessoas que me amaram.
Já passei horas na frente do espelho tentando descobrir quem sou, já tive tanta certeza de mim, ao ponto de querer sumir.
Já menti e me arrependi depois, já falei a verdade e também me arrependi.
Já fingi não dar importância às pessoas que amava, para mais tarde chorar quieta em meu canto.
Já sorri chorando lágrimas de tristeza, já chorei de tanto rir.
Já acreditei em pessoas que não valiam a pena, já deixei de acreditar nas que realmente valiam.
Já tive crises de riso quando não podia.
Já quebrei pratos, copos e vasos, de raiva.
Já senti muita falta de alguém, mas nunca lhe disse.
Já gritei quando deveria calar, já calei quando deveria gritar.
Muitas vezes deixei de falar o que penso para agradar uns, outras vezes falei o que não pensava para magoar outros.
Já fingi ser o que não sou para agradar uns, já fingi ser o que não sou para desagradar outros.
Já contei piadas e mais piadas sem graça, apenas para ver um amigo feliz.
Já inventei histórias com final feliz para dar esperança a quem precisava.
Já sonhei demais, ao ponto de confundir com a realidade... Já tive medo do escuro, hoje no escuro "me acho, me agacho, fico ali".
Já cai inúmeras vezes achando que não iria me reerguer, já me reergui inúmeras vezes achando que não cairia mais.
Já liguei para quem não queria apenas para não ligar para quem realmente queria.
Já corri atrás de um carro, por ele levar embora, quem eu amava.
Já chamei pela mamãe no meio da noite fugindo de um pesadelo. Mas ela não apareceu e foi um pesadelo maior ainda.
Já chamei pessoas próximas de "amigo" e descobri que não eram... Algumas pessoas nunca precisei chamar de nada e sempre foram e serão especiais para mim.
Não me dêem fórmulas certas, porque eu não espero acertar sempre.
Não me mostre o que esperam de mim, porque vou seguir meu coração!
Não me façam ser o que não sou, não me convidem a ser igual, porque sinceramente sou diferente!
Não sei amar pela metade, não sei viver de mentiras, não sei voar com os pés no chão.
Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma pra SEMPRE!
Gosto dos venenos mais lentos, das bebidas mais amargas, das drogas mais poderosas, das idéias mais insanas, dos pensamentos mais complexos, dos sentimentos mais fortes.
Tenho um apetite voraz e os delírios mais loucos.
Você pode até me empurrar de um penhasco q eu vou dizer:
- E daí? EU ADORO VOAR

Como Fazer sua Mulher Feliz com 10 Iniciativas!!

http://donafilo.files.wordpress.com/2009/04/homem_flores2.jpghttp://comps.fotosearch.com/bigcomps/IGS/IGS758/IS308-011.jpg
Você não se lembra do aniversário da sua namorada, né? Até sabe, mas o dia que vocês ficaram a primeira vez, nem pensar, né? E o dia que começaram a namorar? Não consegue entender porque sua namorada é insatisfeita com você mesmo com você fazendo-a gozar em quase todas as vezes que transam? Simplesmente não entram na sua cabeça rotineiras dE SUA FORMA DE SER?
Então, adote o seguinte objetivo: “Conquistar a minha namorada/esposa de uma vez por todas e fazê-la sorrir aos quatro cantos”. Não sabe como? Seus problemas terminaram, companheiro.

Mulheres são todas iguais? Sim, são todas sensíveis, instáveis, emotivas, passionais e etc. Não interessa. A mulher mais tosca do mundo ou a mais doce terão essas características em comum.

E é esse lado que
precisa ser explorado para fazer sua mulher mais feliz. Óbvio que esse guia não é a salvação da lavoura. Se você for um cavalo na cama e um mamute fora dela, tratando-a sem carinho e amor, nada vai dar certo.
Mas, digamos, que você vai bem nesses dois quesitos – trata-a com respeito e devora-a na cama como ela bem merece – e ainda assim há certas reclamações. Deve ser porque é um sujeito ausente e meio convencido de que ela está conquistada. Não faz nenhum esforço, né? Pois vamos às dicas do nosso guia.

Primeira coisa e mais importante: pegue uma agenda (se você usa agenda) ou o seu celular. Você precisará anotar umas coisas.

1 – Flores – A última vez que você mandou flores pra ela foi em 1985, depois do primeiro encontro? Idiota. Mulheres amam flores. Uma ou outra tem alergia. Ou talvez não ligue muito. Anote aí na agenda: enviar flores para ela nos dias 23 de fevereiro, 3 de agosto e 25 de novembro. As datas são espaçadas, você não a sufocará com flores e, o melhor: a pegará de surpresa. Mandar flores no dia do aniversário pode deixá-la feliz e contente, mas não a deixará surpresa. Elas adoram surpresas desse tipo. Anote as datas na agenda. Você pode trocá-las, mas certifique-se de enviar as flores três vezes ao ano, em datas bem espaçadas.

2 – Eu te amo – Quando você diz a ela que a ama? Na cama? Certo. Antes de desligar o telefone, mecanicamente? Ok. Um vez por mês, quando ela pede? Credo. Então faz assim. Anote aí na agenda ou coloque para despertar no seu celular: uma vez por mês ligue para ela, do nada, no meio da tarde, de preferência quando ela estiver bem ocupada e nem se lembrar que você existe. Ela vai atender afoita, lhe perguntando meio ríspidamente: “O que é, querido? Tô atoladíssima. No meio de uma reunião”. Você responde na lata: “Nada, meu amor. Liguei só pra dizer que te amo e você me faz feliz. Depois nos falamos mais. Beijo grande”. Ela sorrirá o resto do dia. Fará amor com você intensamente naquela noite. Contará pras amigas. Talvez, até para o chefe que estava sentado à frente dela na hora da ligação.
3 – Quero te comer – Ok, vocês se dão bem na cama.Ou não? Não importa. De vez em quando, em vez de ligar pra ela e dizer que a ama, ligue para dizer alguma pornografia ao telefone. “Tô morrendo de vontade de te chupar inteira.” Ela atenderá na frente do chefe ou em algum ambiente formal. Ficará vermelha como um pimentão. Mas sentirá um frio na espinha, um frio na barriga. Terá problemas de concentração ao longo do dia, pensando em você.Anote na agenda ou no celular: uma ligação por mês, depreferência às sextas-feiras, quando poderá realizar a promessa telefônica com mais tranqüilidade à noite.lembrando a data. Ou mande um e-mail. “Lembra do nosso primeiro beijo? Fazem sete anos e eu ainda amo beijar sua boca.” Não precisa de mais nada. Nem de gastar dinheiro.
5 – Só você e ela – Uma coisa mata as mulheres: a faltade momentos exclusivos para ela. Reserve um diazinho no mês – um só – para ficar exclusivamente com ela. Um sábado inteiro. Vá com ela ao shopping, opine no vestido que ela vai comprar, compre uma coisinha pra ela. À noite, faça amor com ela longa edespreocupadamente. Não ligue a tevê, NEM O COMPUTADOR. Não atenda ao telefone.Aliás, desligue-o. Exclusividade total. Anote aí: uma vez no mês. Ou uma vez por bimestre. Vale deixar o futebol uma tardezinha.

4 – As datas Lembre-se das datas importantes. Tente arrancar dela o dia da primeira ficada, o dia da primeira transa, o dia que começaram a namorar, o dia do aniversário dela e o dia do aniversário de casamento de vocês. Vá na sua agenda ou celular e anote todas essas datas.Mas, calma, faz assim: anote uma semana antes um aviso. Dois dias antes, outro aviso. Esse último é para você se lembrar de comprar algo pra ela. No aniversário, lógico, um belo presente. Nas datas de namoro ou casamento, reserve um restaurante ou prepare um jantarzinho. Na verdade, não importa. O fundamental é fazer algo no dia. Só você e ela. Nem que seja só um cineminha e um amor gostoso em casa. Não precisa de pirotecnia. Isso é coisa de novela. Mulher gosta é da lembrança. Nas datas do primeiro beijo ou da primeira ficada, faça alguma coisinha. Tipo, deixe um bilhetinho pra ela no café da manhã ou antes de ir trabalhar.

6 – A família Há bilhões de anos as mulheres são o berço familiar. Elas se desenvolveram com habilidades para construírem uma família harmoniosa. Se a sua está rachada porque você não se dá bem com os sogros, ela vai ficar sempre com uma pontinha ruim lá no fundo. Seja político. Trate-os amigavelmente. Dê presentes no dia de seus aniversários.Converse sobre negócios e política com o sogrão. Elogie os quadros e as flores da sogra. Não custa nada. Não é por eles. É pela mulher que está ao seu lado.

7 – Habilidades – Aprenda algumas coisas para agradar sua esposa ou namorada. Não precisa de muita coisa. Saber cozinhar já é uma ótima. Não precisa saber fazer uma feijoada para trinta pessoas. Mas uma ou duas boas massas, um risoto e uma calda de chocolate para a sobremesa não fazem mal a ninguém. Ela vai adorar. Vai ficar com tesão em lhe ver de avental (claro que você terá um avental masculino). Talvez transe com você na cozinha. Outra opção é aprender a fazera boa massagem. Nada como poder dar a ela uma massagem depois que ela retorna de um intenso dia de trabalho. Que mulher vai pensar em chifrar o marido se ele a espera em casa, pronto para fazer uma massagem relaxante? Só uma vagabunda. Presumo que você não esteja com uma, né? Ou está?

8 – Seja previsível – Você adora jogar cartas com os amigos às quartas-feiras? E o futebol de sábadopela manhã, é religioso?Avise isso à ela. Com antecedência. Inicie uma conversa séria e definitiva sobre esses compromissos. Mulher odeia fazer planos com o namorado e ser deixada de lado pelo cara quando pensava que estaria com ele. Avise a ela: “Amor, tenho futebol todo sábado todo sábado das 11h às 13h. Nesse dia, nem marque nada pra gente. Aliás, é uma ótima hora pra você sair com suas amigas”. Pronto. Previsibilidade marcada. Espaço delimitado. O carteado é toda quarta, às 20h? Ótimo. Avise-a. E torne esse encontro com os machos um hábito.Ela se acostumará. Marcará coisas para esse dia com as amigas.


9 – Surpreenda-a sem surpreendê-la – Sim, esse tópico parece uma incoerência com o anterior, né? Mas não é. Sabe aquele sábado no qual você vai passar o dia com ela? Vai ao shopping e a todos os programas com ela? Bem, nesse dia, fique com as orelhas em pé. Repare no que ela vai falar sobre algumas coisas que vê nas vitrines. De repente, ela se apaixona por um vestido, uma jóia, uma blusa, algo para a casa de vocês. Mas ela não compra. É nessa hora, amigo, que você achou o presente de aniversário dela! Ou o presente da data de casamento ou algo assim. Você vai surpreendê-la com o presente que ela queria, vai surpreendê-la com o fato de ter prestado atenção, mas NÃO vai surpreendê-la com um presente que ela não gostou. É tiro e queda.

10 – Faça tudo isso mas não seja babão– Mulher não gosta de homem babão. Trate-a bem. Trate-a carinhosamente. Mas não seja um estorvo. Não seja um meloso bôbo. Um sujeito que diz que ama a mulher 30 vezes ao dia perde a credibilidade. Aquele sujeito que perde as vontades próprias por causa da mulher vira um bundão. Tem dia, que ela não manda em nada. Quem manda é você: “Hoje, vamos a tal restaurante e depois vou fazer amor com você”. Ela não precisa ter escolha. Em outros dias, você determina que ela escolha: “Hoje, você escolhe”. Seja firme na suas decisões do dia-a-dia. Mulher não gosta de homem frouxo, que diz: “Faço o que você quiser, amorzinha... Quer que eu me jogue da ponte?” Esse tipo de homem não dá nenhuma segurança à mulher. Ela não quer ser sua mãe. Ela quer ser mãe dos seus filhos, idiota.

Qual é a maior dor?

http://4.bp.blogspot.com/_jsuQRTJw0lM/R7_8fl-kmlI/AAAAAAAAAFo/QLrPX5lqLMI/s400/small-tristeza.jpg


Você já pensou nisso?
Um jovem deixou um bilhete aos familiares, pouco antes de cometer suicídio, e expressou no papel o que estava sentindo.
Disse ele que a maior dor na vida não é morrer, mas ser ignorado.
É perder alguém que nos amava e que deixou de se importar conosco. É ser deixado de lado por quem tanto nos apoiava e constatar que esse é o resultado da nossa negligência.
A maior dor na vida não é morrer, mas ser esquecido. É ficar sem um cumprimento após uma grande conquista.
É não ter um amigo telefonando só para dizer "olá".
É ver a indiferença num rosto quando abrimos nosso coração.
O que muito dói na vida é ver aqueles que foram nossos amigos, sempre muito ocupados quando precisamos de alguém para nos consolar e nos ajudar a reerguer o nosso ânimo.
É quando parece que nas aflições estamos sozinhos com as nossas tristezas.
Muitas dores nos afetam, mas isso pode parecer mais leve quando alguém nos dá atenção.
É bem possível que esse jovem tenha tido seus motivos para escrever o que escreveu.
Todavia, em nenhum momento deve ter pensado naqueles que o rodeavam.
Se pudesse sentir a dor de um coração de mãe dilacerado ante o corpo sem vida do filho amado...

Se pudesse experimentar o sofrimento de um pai que tenta, em vão, saber do filho morto o que o levou a tamanho desatino...
Se sentisse o desespero de um irmão que busca resposta nos lábios imóveis do ser que lhe compartilhou a infância...
Se pudesse suportar, ainda que por instantes, a dor de um amigo sincero a contemplar seus lábios emudecidos no caixão, certamente mudaria seu conceito sobre a maior dor.

Se você pensa que está passando pela maior dor que alguém pode experimentar, considere o seguinte:
Uma mãe que chora sobre o corpo do filho querido que foi alvo das bombas assassinas, em nome das guerras frias e cruéis.
Uma criança debruçada sobre o corpo inerte da mãe atingida por granadas mortíferas.
Um órfão de guerra que é obrigado a empunhar as mesmas armas que aniquilaram seus pais...
Um pai de família que assiste o assassinato dos seus, de mãos amarradas.
Enfim, pense um pouco nessas outras dores...
Pense um pouco nos tantos corações que sofrem dores mais amargas que as suas.
E se ainda assim você estiver certo de que a sua dor é maior, lembre-se daquela mãe que um dia assistiu a crucificação do filho inocente, sem poder fazer nada.

Lembre-se também daquele que suportou a cruz do martírio mas não perdeu a confiança no pai, que tudo sabe.
E se ainda assim você achar que é o maior dos sofredores, considere que talvez o egoísmo esteja prejudicando a sua visão.
Pense nisso!
Descobrir qual é a maior dor, é muito difícil.
Mas a maior decepção é fácil de deduzir.
É a daqueles que se suicidam pensando que extinguirão a vida e com ela todos os problemas.
Esses saem do corpo, mas, indubitavelmente, não saem da vida e, muito menos, acabam com os problemas.
Portando, por mais difícil que esteja a situação, nunca vale a pena buscar essa porta falsa, chamada suicídio.
É importante lembrar sempre:
por mais escura e longa que seja a noite, o sol sempre volta a brilhar.
E por mais que pensemos estar na solidão, temos sempre conosco um amigo fiel e dedicado que jamais nos abandona:

Jesus.

Apartir do Proximo Amanhecer!!

Hoje “me dei um tempo” para pensar na vida.
Na minha vida!!!

Decidi então que a partir do próximo amanhecer, vou mudar alguns detalhes para ser a cada novo dia, um pouquinho mais feliz.

Para começar, não vou mais olhar para trás. O que passou é passado, se errei, agora não vou conseguir corrigir.

Então, para que remoer o que passou?
Refletir sobre aqueles erros sim e então fazer deles um aprendizado para o “meu hoje”...

Nem todas as pessoas que amo, retribuem meus carinhos como “eu” gostaria... E daí?

A partir do próximo amanhecer vou continuar a amá-las, mas não vou tentar mudá-las.

Pode ser até que ficassem como eu gostaria que fossem e deixassem de ser as pessoas que eu amo.

Isso eu não quero.
Mudo eu...Mudo meu modo de vê-las.
Respeito seu modo de ser.
Mas não pense que vou desistir de meus sonhos!!!
Imagine!!!
A partir do próximo amanhecer, vou lutar com mais garra para que eles aconteçam.

Mas vai ser diferente.
Não vou mais responsabilizar a mais ninguém por minha felicidade.
EU VOU SER FELIZ!!!

Não vou mais parar a minha vida porque o que desejo não acontece, porque uma mensagem não chega, porque não ouço o que gostaria de ouvir.

Vou fazer meu momento...Vou ser feliz agora...
Terei outros dias pela frente!!!
Nunca mais darei muita importância aos problemas que não tenho conseguido resolver.

A partir do próximo amanhecer, vou agradecer a Deus, todos os dias por me dar forças para viver.
Apesar dos meus problemas.

Chega de sofrer pelo que não consigo ter, pelo que não ouço ou não leio.
Pelo tempo que não tenho e até de sofrer por antecipação, pensando sempre, apenas no pior.

A partir do próximo amanhecer, só vou pensar no que tenho de bom.
Meus amigos, nunca mais precisarão me dar um ombro para chorar. Vou aproveitar a presença deles para sorrir, cantar, para dividir felicidade.

A partir do próximo amanhecer vou ser eu mesmo.
Nunca mais vou tentar ser um modelo de perfeição.
Nunca mais vou sorrir sem vontade ou falar palavras amorosas por que acho que sei o que os outros querem ouvir.
A partir do próximo amanhecer vou viver minha vida, SEM MEDO DE SER FELIZ.
Vou continuar esperando.
Não, não vou esquecer ninguém.
Mas...

A partir do próximo amanhecer, quando a gente se encontrar, com certeza, vou te dar “aquele” abraço bem apertado, e com toda sinceridade dizer...
EU GOSTO MUITO VOCÊ...!

Conselho para vida!


http://3.bp.blogspot.com/_sytYc3mRnfA/SoAgywaxphI/AAAAAAAABa4/OXXLBu0mFr4/s400/mulher+e+sol.jpgDesfrute do poder e da beleza de sua juventude. Oh, esqueça. Você só vai compreender o poder e a beleza de sua juventude quando já tiverem desaparecido. Mas acredite em mim. Dentro de vinte anos você olhará suas fotos e compreenderá de um jeito que não pode compreender agora, quantas possibilidades se abriram para você e o quão fabuloso você era. Você não é tão gordo/a quanto você imagina.

Não se preocupe com o futuro. Ou se preocupe, mas saiba que se preocupar é tão eficaz quanto tentar resolver uma equação de álgebra mascando chiclete. É quase certo que os problemas que realmente têm importância em sua vida, são aqueles que nunca passaram pela sua mente, tipo aqueles que tomam conta da sua mente às 4 horas da tarde de uma terça-feira ociosa

Todos os dias faça alguma coisa que te assuste.

Cante.

Não trate os sentimentos alheios de forma irresponsável. Não tolere aqueles que agem de forma irresponsável em relação aos seus sentimentos.

Relaxe.

Não perca tempo com inveja. Às vezes você ganha, às vezes você perde. A corrida é longa, e no final, tem que contar só com você.

Lembre-se dos elogios que você recebe. Esqueça dos insultos. (Se você conseguir fazer isso, me diga como.)

Guarde suas cartas de amor. Jogue fora seus velhos extratos bancários.

Estique-se.

Não tenha sentimento de culpa por não saber o que você quer fazer da sua vida. As pessoas mais interessantes que eu conheço não tinham aos 22 anos, nenhuma ideia do que fariam na vida. Algumas das pessoas interessantes de 40 anos que eu conheço ainda não sabem.

Tome bastante cálcio. Seja gentil com seus joelhos. Você sentirá falta deles quando não funcionarem mais.

Talvez você se case, talvez não. Talvez tenha filhos, talvez não. Talvez você se divorcie aos 40. Talvez você dance uma valsinha quando fizer 75 anos de casamento. O que você fizer, não se orgulhe, nem se critique demais. Todas as suas escolhas tem 50% de chance de dar certo. Como as escolhas de todos os demais.

Curta seu corpo da maneira que puder. Use-o de todas as formas que puder. Não tenha medo dele ou do que as outras pessoas pensam dele. Ele é o maior instrumento que você possuirá.

Dance. Mesmo que o único lugar que você tenha para dançar seja sua sala de estar.

Leia todas as indicações, mesmo que você não as siga.

Não leia revistas de beleza. Elas só vão fazer você se sentir feio.

Saiba entender seus pais. Você não sabe a falta que você vai sentir deles quando eles forem embora pra valer. Seja agradável com seus irmãos. Eles são seu melhor vínculo com o passado e aqueles que, no futuro, provavelmente nunca deixarão você na mão.

Entenda que os amigos vão e vem, mas que há um punhado deles, preciosos, que você tem que guardar com muito carinho. Trabalhe duro para transpor os obstáculos geográficos e os obstáculos da vida. Quanto mais você envelhecer, tanto mais vai precisar das pessoas que te conheceram quando você era jovem.

More em New York City uma vez. Mas mude-se antes que ela te transforme em uma pessoa dura. More no Norte da Califórnia. Mas mude-se antes de se tornar uma pessoa muito mole.

Viaje.

Aceite algumas verdades eternas: Os preços vão subir, os políticos são mulherengos e você também vai envelhecer. E quando você envelhecer, você fantasiará que quando você era jovem os preços eram razoáveis, os políticos eram nobres e as crianças respeitavam os mais velhos.

Respeite as pessoas mais velhas.

Não espere apoio de ninguém. Talvez você tenha um fundo de garantia. Talvez você tenha um cônjuge rico. Mas você nunca sabe quando um ou outro pode desaparecer.

Não mexa muito em seu cabelo. Senão, quando tiver quarenta anos, vai ficar com a aparência de oitenta e cinco.

Tenha cuidado com as pessoas que lhe dão conselhos, mas seja paciente com elas. Conselho é uma forma de nostalgia. Dar conselho é uma forma de resgatar o passado da lata do lixo, limpá-lo, esconder as partes feias e reciclá-lo por um preço muito maior do que realmente vale.

Sobre

Sobre
Eu não sou nada mais que o reflexo de minhas vidas, sou muitas em mim." ... Aqui dispo a minha alma, Sem meias verdades, inteira. Aqui faço a minha história, com todos meus erros e acertos. Aqui não escondo meus defeitos, nem mesmo minhas poucas qualidades. Aqui não tenho pudores, dispo-me dos segredos em mim escondidos. Aqui exponho minhas fantasias, taras, manias, e minha realidade nua e crua. Aqui é onde me encontro e me perco. Aqui é onde choro, rio e proclamo meu mais intenso amor, e meus mais insanos desejos. Aqui faço meus momentos possíveis e impossíveis, especiais. Aqui sou simplesmente Eu, com minha essência, princípios e valores. Sou simplesmente EU! Aqui pedaços de mim transcendem em verso e prosa, pensamento e imagens, que falam do que vai no meu coração, sonhos e desejos...uma grande confusão de sentimentos... Espero que consigam sair diferentes, de quando mergulharam aqui no meu mundinho... seja amor, tesão, paixão ..de alguma forma que sejam todos tocados por esses pedacinhos de mim e de outros❤

Total de visualizações de página